Abismo

Quando contemplo meu abismo, ele me olha de volta.

O olhar do observador modifica o comportamento do objeto observado.

Como eu encaro minha dor, muda a forma como ela se comporta.

Escrevo isso durante uma crise de cólica de rim. Uma dor lancinante, torturante, que me vira do avesso. Uma das piores que ja conheci na vida. Tão intensa quanto uma queimadura.

Na verdade não há como se ter competição de dores. Cada um sabe como a sua é, a intensidade e como ela o afeta. O que é importante, e que quero trazer à reflexão, é como a encaramos.

Tome sua maior dor presente, a de agora, se acaso sentir alguma, e tente mudar a forma como olha para ela. Sem tentar entender ou explicar, sem racionalizar, apenas acolher essa dor, colocá-la no seu colo, e abraçar, dar afeto, ouvido, sem criticar, xingar, maldizer, ou amaldiçoar, sem raiva por não poder controlá-la.

A tentativa de controle da dor, e a frustração de que não há como domá-la, pode nos trazer mais dor. O apego a esse controle, o apego ao status anterior à dor, nos provoca mais dor.

Antes de algo novo, de uma mudança significativa, vem o caos. Aceitar a dor como uma consequência dessa mudança, uma passagem para um novo estado de autoconhecimento, não nos torna masoquistas. Não passaremos a desejar a dor. Ao contrário, aceitaremos que ela irá nos deixar, assim que abrirmos mão dos apegos, e deixando fluir, seguimos o curso desse caos que nos guia de forma incompreensível.

Fluir, com amor. Soltar, com leveza. Aceitar que tudo o que podemos fazer é escolher como nos portarmos diante do que se nos apresenta, mesmo sem controlar como isso vem.

A dor passou, ela dormiu no meu colo. Vou deixá-la descansar, não quero acordá-la, logo mais ela terá uma longa viagem para longe de mim, e eu e ela seremos outros.

Malone

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s