Cinco Elementos

“Sou grande, sou forte, sou do tamanho do medo”
Parafraseando a Julia Branco, me vejo, pequeno diante do universo,
e grande diante de quem fui.

Nas coisas pequenas sou curioso, tento meter o dedo.
Nas coisas grandes fico observando, analiso sentado no banco.
Fico pensando sobre estes meus versos,
e do pequeno e do grande, tudo flui.

Sou sombra, sou luz, branco e preto e cinza.
Sou humano, sou animal, sou planta, sou mineral.
Feito de água, sais, carne, ossos.
Feito de raiva, alegria, preocupação, tristeza e medo.

Sou legal e receptivo, mas também tenho meu lado ranzinza.
Tento mover, crescer, brotar e deixo morrer, podar, como vegetal.
Balanço de um lado ao outro da prancha surfando nesses imensos mares nossos.
Oscilo buscando equilíbrio, sou amargo, doce, picante, salgado e azedo.

Malone

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s