Um

🕉️ Jo 10, 30 – Eu e o Pai somos um

🌉 Entre nossa individualidade, restrita, limitada, e a divindade em que enxergamos o totalmente outro, o absoluto e ilimitado, eterno, atemporal, há uma ponte, estreita como um buraco de agulha que conecta nossa imanência com a transcendência, uma ponte em forma de infinito, uma cobra que morde o próprio rabo, um começo cujo fim é ele mesmo. A divindade transcende o ser, o ontos, e expandida se concentra dentro do que é limitado, de forma que para sair do ser, o caminho é para dentro, para a parte escura e profunda, o divino como uma circunferência cujo centro está em todo lugar e que não está em lugar algum. No meio de Deus há eu. Um é par.

🤔 Malone

Música: Eu e Deus, Chandra Lacombe

No grupo do telegram em t.me/frater_malone tem mais reflexões sobre esse post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s