Foco

Uma criança deslumbrada com as estrelas, a lua, tanto vazio em volta, dando significado ao que se consegue encontrar com o telescópio. A quantidade de vazio faz o encontro com o astro ter valor de uma vitória. Tão distraído com a busca, esbarra na xícara na mesa ao lado e quase a derruba. Precisou retirar os olhos do que parecia ser saturno para ver os anéis que o líquido derramado fez no móvel em volta da xícara.

Nossa criança adora ver longe, desbravar o universo, focar em algo no meio do vazio e ver mais de perto o que não se vê no quotidiano. Tanto um planeta quanto uma ameba, ver o que está pra além da aparência deslumbra.

Mas é igualmente importante ter foco no ordinário, no que está diante de nossos olhos e de tão usual não parece ter graça. A graça da vida é encontrar diversão e deslumbre naquilo que é simples e tornar o corriqueiro especial.

Há anéis em saturno e aqui, círculos invisíveis entre eu e você. Um olho lá, outro cá.

👁️ Malone

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s